The extra in the ordinary

By Catarina Guimarães

Eating mindfully + Turmeric and Citrus juice ~ Comer conscientemente + Sumo de citrinos e curcuma

Leave a comment

20150610-013205.jpg
(PLEASE SCROLL DOWN FOR ENGLISH VERSION)

É tão fácil uma pessoa bloquear-se com tantas regras, leis, planos, informação. Tudo isto pertence a um nível mental e não ao pulsar do corpo. Saber ouvir o corpo é uma das melhores habilidades que podemos cultivar. No que toca a comer, é comum ver pessoas a comerem sem estarem presentes, sem estarem lá. Andam enfiadas na sua cabecinha a pensar em ontem ou amanhã ou a pensar se estão a comer bem, mal, preocupadas a contar calorias ou inumerar ingredientes.

Tenho um único conselho para todos: desfrutem da vossa comida!

Claro que é importante fazer o trabalho de casa, pesquisar e aprender continuamente, mas tudo isso deve ficar de lado no momento em que nos alimentamos.

Para desfrutar temos que descer à terra, habitar verdadeiramente o nosso corpo e ganhar consciência do que estamos a fazer nesse preciso momento, sem distracções interiores ou exteriores.

Uma maneira simples de atingir esse estado de espírito é esfregar as mãos uma na outra durante alguns segundos e depois respirar fundo cinco vezes, deixando a inspiração ir até ao baixo ventre, relaxando os ombros e todo o corpo.

Consegues sentir como as mãos agora estão diferentes? E o corpo, como está agora?
Se há alguma parte com dor ou tensão, respira mais 5 vezes, imaginando que a respiração vai directamente até esse ponto.

Algo que eu gosto de praticar para tornar o acto de nutrir o meu corpo num hábito de consciência plena em vez de um hábito automático, é olhar para a comida que estou prestes a ingerir e vê-la realmente. Identificar mesmo tudo o que como ~ os alimentos, a cor, a textura, o cheiro, o sabor…

E por vezes gosto de levar esta ligação ainda mais longe e pensar em tudo o que foi necessário para que esses alimentos tenham vindo parar à minha mesa.

Todo o trabalho, tempo, recursos naturais, pessoas, dedicação, esforço, dinheiro, etc que foram necessários para que eu possa agora e aqui desfrutar de um morango, uma couve, um pimento.

Porque ao pensar nisso, sinto-me automaticamente inundada por gratidão.

E a gratidão traz-me sempre de volta à terra. E é com os pézinhos bem plantados no chão que consigo nutrir e respeitar o meu corpo, seguindo as suas orientações que me chegam através do instinto e intuição.

E se é costume começares a divagar para pensamentos menos simpáticos enquanto comes, porque não usar o pensamento como uma âncora da atenção?

Nesse momento, toma a decisão de pensar que cada dentada ou gole que dás está a contribuir para que estejas agora e sempre feliz, saudável, jovem, energético/a, descontraído/a, lindo/a, sexy, divertido, etc…
Usa as palavras que melhor ilustrem a tua ideia de “saúde e bem estar”.

E desfruta de cada pedacinho com prazer, com tempo e com alegria.

20150610-013230.jpg
O sumo que partilho hoje faz-me feliz só de olhar para ele porque me sinto prestes a beber raios de sol! Assim que o calor aumenta, sinto-me naturalmente inclinada para escolher alimentos laranjas ou vermelhos que ajudam a pele a receber e beneficiar do sol em todo o seu esplendor.

Nunca tive tanta facilidade em ficar bronzeada e em manter o bronze durante o ano todo. E eu sou mesmo muito branquinha, mas a alimentação faz toda a diferença, tal como já tinha mencionado aqui.

A vitamina C também é uma óptima aliada para manter a pele bonita e jovem, apesar de muita gente só pensar nesta vitamina quando está constipado. As laranjas são uma fruta muito popular mas as toranjas não lhes ficam nada atrás e até nos ajudam a combater a celulite, como explico aqui.

E por fim, se ainda não conhecem a curcuma, um dos meus anti-inflamatórios preferidos, peço que leiam este post.

20150610-013247.jpg
Esta receita dá cerca de 1 litro de sumo e eu costumo bebê-lo a meio do dia ou como primeira parte de uma das refeições principais.

Ingredientes:
(Se possível, biológicos)
5 laranjas bem doces
1 toranja
1/3 de colher de chá com curcuma em pó

Instruções:
Usando um espremedor de citrinos, espremer o sumo das laranjas e da toranja. Deitar o sumo num frasco, copos ou jarro e juntar ao sumo a polpa que ficou de lado. Assim o sumo fica cheio de fibra e evita subidas drásticas do nível do açúcar no sangue. Adicionar a curcuma em pó e mexer muito bem.
Beber de seguida e visualizar o sol dentro da barriga!

20150610-013305.jpg
ENGLISH:

It’s so easy for someone to feel blocked with so many rules, laws, plans, information. All of that belongs to a mental level and not to the pulse of your body.

Knowing how to listen to your body is one of the best skills one can nurture.
When it comes to eating, it’s so common to see people doing it without really being there, without being present. They’re stuck in their little heads, thinking about yesterday or tomorrow, or worrying if their eating right or wrong, counting calories or analyzing ingredients.

I have one and only one advice for everyone: enjoy your food!

And yes, it’s important to do your homework, research and keep on learning continuosly, but all that should step aside when we are eating.

In order to be able to enjoy we must ground ourselves, actually inhabit our body and gain awareness of what we are doing at that precise moment, without any internal or external distractions.

A simple way to achieve this state is to rubb your hands together for a few seconds and then take five deep breaths, allowing the inhalation to go all the way to your belly, relaxing the shoulders and the rest of the body.
How does it feel? Are your hands different now? And the rest of your body?
If you sense any discomfort or tension, simply breath five more times, visualizing the air going all the way to that specific part of the body.

Something I like to practice in order to bring mindfulness to eating, instead of it being just an automatic habit, is to look at the food I’m about to eat and really see it. Identify everything that I eat ~ the produce, the colours, the texture, the fragrance, the taste…

Sometimes I enjoy taking this process abit further and I start thinking about everything that was necessary for that food to end up on my plate. All the work, time, people, dedication, natural resources, effort, money and so on, it takes so I can eat one strawberry, one piece of kale, one red bell pepper.

As I think about this, I’m naturally flooded with gratitude.
And gratitude always brings me back to earth. I need my feet planted on the ground so I can nurture and respect my body, listening to its guidance that comes to me as intuition or instinct.

And if you have a tendency to let your thoughts wander into a negative place while you’re eating, why not use your thoughts as an anchor for your attention and focus?
Choose to think that every bite or sip you take is making you healthy, happy, young, energetic, relaxed, beautiful, sexy, etc… Just use the words that best translate your idea of “health and wellness”.

And enjoy every little bit of whatever it is you’re eating, with pleasure, time and joy.

20150610-013323.jpg
The juice I’m sharing today makes me happy just from looking at it because it makes me feel like I’m about to drink sunshine!

As soon as the warm weather kicks in, I feel naturally inclined to eat lots of orange and red colored food that have the power to help the skin receive and benefit from solar exposure. It has never been so easy for me to get a tan and maintain it during all year. And my skin is really fair but what we eat makes all the difference, just like I’ve mentioned here before.

Vitamin C is also a great ally for the skin, keeping it young and healthy, even though most people only think about this vitamin when they catch a cold. Oranges are one of the most popular fruits, but grapefruits are just as amazing and they’re great to help us get rid of cellulite too.

And finally, if you’re not familiar with turmeric, one of my favorite anti-inflammatories, please read all about it here.

20150610-013338.jpg
This recipe makes about 1 liter of juice and I usually drink it in the middle of the day or as the first part of one of my main meals.

Ingredients:
(Organic, if possible)
5 really sweet oranges
1 grapefruit
1/3 of teaspoon with turmeric
powder

Directions:
Use a citrus juicer or press to juice the oranges and grapefruit. Pour the juice into a jar or glass and add the pulp. This way the juice will have lots of fibre and it won’t spike up your blood sugar levels. Add the turmeric and mix the juice really well. Drink right away and visualize the sun inside your belly!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s