The extra in the ordinary

By Catarina Guimarães


2 Comments

Raw cucumber noodles with papaya + What is true health? ~ Esparguete cru de pepino com papaia + O que é a saúde verdadeiramente?

20150209-201441.jpg
(PLEASE SCROLL DOWN FOR ENGLISH VERSION)

Para mim ser saudável é muito mais do que comer alimentos saudáveis.
Tem a ver com a qualidade da nossa própria energia e como esta se relaciona com os nossos pensamentos, emoções, crenças, atitudes e escolhas diárias.

Uma pessoa que coma os alimentos mais nutritivos e saudáveis deste mundo mas que mantenha uma atitude stressada e pessimista nunca será verdadeiramente saudável.

Só quando tudo isso está em sintonia, numa frequência positiva e radiosa, é que a verdadeira saúde existe.

E nessas alturas é fácil escolher uma alimentação saudável porque é o que o nosso próprio corpo nos pede naturalmente e o instinto encarrega-se de nos guiar até às melhores decisões.

Basta aprendermos a ouvir o nosso corpo e o mundo ao nosso redor com todas as células em vez de ouvirmos só com os ouvidos. Quando o nosso corpo está livre de vícios e venenos e conseguimos manter a mente calma e limpa, ser saudável é o nosso estado natural e tudo nos guia até lá.

Cada dia acredito mais que o corpo tem uma inteligência muito maior e mais fiável do que a nossa mente. Aquela mente que todos acham que conseguem controlar mas que no fundo nos anda é a controlar a nós sempre que andamos em “piloto automático”.

20150209-201504.jpg
Por isso, hoje trago-vos duas citações da Dr. Christiane Northup que estuda a verdadeira saúde (e não apenas a ausência de doenças):

A verdadeira saúde começa com os teus pensamentos. Pensar em conforto, força, flexibilidade e juventude atrai essas qualidades para a tua vida e o teu corpo. Insistir na doença, medo, mal-estar ou dor faz o oposto. O teu trabalho é reparar nos pensamentos, mudá-los e encaminhá-los na direcção da saúde e felicidade.”

“Tu és um indivíduo que é parte de um todo maior. A melhor maneira de expressar o teu lado Divino é tornando-te tudo o que és. O teu corpo encaminha-te para a expressão pessoal total evidenciando o que te parece correcto e o que não te parece correcto. Frequentemente, a doença é um sinal de necessidade de mudança no percurso de vida”.

20150209-201542.jpg
E a receita de hoje é tal como eu gosto que a vida seja: fácil, muito saborosa, vibrante e saciante!

Para além disso é uma refeição que contribui imenso para a hidratação do nosso organismo, que é fundamental para que nos sintamos bem, calmos e contentes.

Eu passei grande parte da minha vida sem comer pepinos porque toda a gente dizia que era indigesto e, como eu já tinha problemas de digestão constantemente, nem tentei experimentar. Mas a verdade é que desde que faço uma alimentação vegana com muitos alimentos crus, o pepino é um dos vegetais que mais como e nunca me causa qualquer problema ou desconforto.

O pepino é um dos alimentos mais alcalinizantes e ricos em água, contribuindo para manter bons níveis de hidratação geral no corpo.
Estes vegetais têm propriedades anti-inflamatórias e são óptimos para melhorar o aspecto da pele, cabelo, unhas e dentes, devido à quantidade de sílica.
É ainda uma boa fonte de outros minerais como o magnésio e o potássio e vitaminas como a A, C, K. Ajuda a desentoxicar o organismo porque é diurético e contribui para o bom funcionamento dos rins e visícula.
E devido à grande quantidade de fibra, melhora o funcionamento dos intestinos, permitindo uma boa eliminação de toxinas.
É um vegetal rico em antioxidantes, enzimas que ajudam a digestão e clorofila que actua contra cancros no sistema reprodutivo.

Para além disso são fresquinhos e saborosos!

Esta receita é para 1 pessoa.

Ingredientes:
(Se possível, biológicos)
4 pepinos grandes
2 papaias (mamão) pequenas/médias
1 mão cheia de folhas de menta fresca
Sumo de 1 lima
Opcional: 1/2 colher de sopa com sementes de chia e/ou cânhamo

Instruções:
~ tirar a casa aos pepinos e usar um espiralizador para fazer o esparguete / macarrão. Se não tiverem espiralizador, podem cortar os pepinos em pedaços pequeninos. Nesse caso podem deixar a casca.
~ tirar a casca e sementes às papaias. Cortar em pedaços pequenos.
~ juntar os pepinos e papaias numa taça ou tigela bem grande. Misturar com as folhas de menta cortadas e o sumo da lima acabado de espremer. Se quiserem, polvilhem com as sementes.
Servir de seguida.

20150209-201527.jpg
ENGLISH:

Being healthy to me is much more than just eating healthy food.
It’s all about the quality of our personal energy and how it relates to our thoughts, emotions, beliefs, attitudes and daily choices.

People can eat the worlds’ most nutritious and healthy foods but if they keep on feeding a stressful and pessimistic attitude, they will never be truly healthy.

Real health is only possible when all of that is in sync, in a positive and radiant frequency.

And then eating healthy becomes easy because our own body will naturally ask for it and our instinct will lead us to the best choices.

All we need to do is learn how to listen to our body and the world around us with every single cell instead of just using our ears.

When the body is free from addiction and poison and we can nurture a calm and clean mind, being healthy is our most natural state and everything guides us there.

Each day I believe more and more that our bodies have a much bigger and reliable inteligence than our mind. That mind most people believe they can control but actually controls us, when we are living on “auto-pilot” mode.

20150209-201602.jpg
So today I bring you two quotes from Dr. Christiane Northup who studies real health (and not just the absence of disease):

“True health begins with your thoughts. Thinking about comfort, strenght, flexibility and youthfulness attracts those qualities into your life and body. Dwelling on illness, fear, disease and pain does just the opposite. Your work is to notice and change your thoughts and move them in the direction of health and happiness”.

“You are an individual who’s part of a greater whole. The best way to express the Divine part of yourself is by becoming all of who you are. Your body directs you toward full personal expression by letting you know what feels right and what doesn’t. Illness is often a sign you need to make an adjustment to your life path.”

20150209-201617.jpg
And today’s recipe is exactly how I like my life to be: easy, very tasty, vibrant and filling!

It’s also a great meal to keep you highly hydrated which is key to staying well, calm and happy.

I didn’t eat a single cucumber for most of my life because everybody said it was terrible for digestion so I never tried eating it as I already had digestive problems. But the truth is I’ve been eating cucumbers almost daily since I started eating vegan and mostly raw foods. And I haven’t experienced any digestive problems!

Cucumbers are one of the most alkalinizing foods and they’re very rich in water, helping to maintain good hydration levels.
This vegetable has anti-inflammatory properties and it works wonders on the skin, hair, nails and teeth due to high amounts of silica.
It’s also a good source of other minerals such as magnesium and potassium and vitamins A, C and K.
It helps detox the body because it’s a diuretic, promoting the good health of kidneys and gallbladder. And because it’s very rich in fiber it contributes to good overall bowel function, easily eliminating toxins.
This vegetable is also rich in antioxidants, enzymes that improve digestion and clorophyl that fights cancer in the reproductive system.

Plus, it’s really fresh and tastes good!

This recipe is for 1 person.

Ingredients:
(Organic, if possible)
4 large cucumbers
2 small/medium papayas
1 handful of fresh mint leaves
Juice from 1 lime
Optional: 1/2 tablespoon of chia and/or hemp seeds.

Directions:
~ peel the cucumbers and use a spiralizer to make the noodles. If you don’t have a spiralizer, simply chop the cucumbers into tiny little bits. You may leave the peel in this situation.
~ peel and de-seed the papayas and chop them into tiny pieces.
~ put the papayas and cucumbers in a large bowl and mix it with the chopped mint leaves and freshly squeezed lime juice. And top it with seeds if you wish to.
Serve and eat right away.

20150209-201651.jpg

Advertisements